Início » Imprensa » Notícias » Imóveis fechados impedem o trabalho dos leituristas

Imprensa

Notícias

Imóveis fechados impedem o trabalho dos leituristas

07/10/2013

Durante o trabalho mensal de leitura de contas, aproximadamente 850 imóveis são encontrados fechados pelos leituristasda Tubarão Saneamento. O não acesso aos domicílios prejudica a leitura do hidrômetro no qual é realizada a medição do consumo de água. Por este motivo, a empresa precisa gerar média do uso de água para ter um parâmetro quanto à quantidade do líquido utilizada nessas casas.

De acordo com o Diretor Administrativo da Tubarão Saneamento, Paulo Eduardo Canalles, os proprietários de imóveis que possuem hidrômetros no interior de sua residência, podem procurar a Concessionária e solicitar informações sobre a padronização do hidrômetro no exterior da casa. O Abrigo Modelo, adotado pela empresa, conforme Resolução 003, da Agência Reguladora, é assentado na frente do imóvel. 

A confecção do novo padrão de ligação, segundo o Decreto Municipal nº 2539 da Lei Complementar nº 020/2008, é de responsabilidade do usuário. “Quando o cliente solicitar uma ligação de água, ele receberá um Manual de Instalação do Abrigo Modelo. Assim que a mesma estiver pronta, a Concessionária deve ser comunicada, para fazer a avaliação. Caso esteja dentro do padrão, na sequência será feita a instalação do cavalete. Em caso contrário, a ligação não será executada”, explica Canalles.

Outra situação que dificulta o trabalho desses técnicos é a existência de animal bravo em algumas residências. No último mês foram registradas cerca de 150 ocorrências deste tipo. “Isso acontece porque os profissionais têm que entrar no pátio do usuário para realizar a leitura.É importante lembrar que o Artigo 44, do mesmo Decreto,estabelece que a empresa tem livre acesso ao hidrômetro, podendo fazer, sem consulta, as verificações necessárias. Por isso a importância do mesmo seguir o padrão do Abrigo Modelo. Além disso, a presença do leiturista ajuda a alertar os proprietários sobre vazamentos ou anormalidades que aumentem a conta de água”, destaca o diretor da Concessionária.

Em caso de dúvidas, o usuário pode fazer contato pelo telefone: 0800 648 9596.

Fonte: Assessoria de Comunicação